Desafio Pet: MC Gui e seus três cães

noticias_interna_desafiopet_mcguiDomingo, 27 de dezembro, vai ao ar o novo quadro do Desafio Pet, no Programa Eliana (SBT).

O especialista em comportamento animal, Alexandre Rossi, vai ajudar dessa vez o MC Gui a lidar melhor com os seus três pets: Zangão (Lulu da Pomerânia), Layfon (Poodle) e Aisha (Shar Pei).

A principal queixa era em relação ao xixi fora do lugar e ao latido em excesso. Porém, quando a equipe Cão Cidadão visitou a família, diagnosticaram outros problemas comportamentais também.

Ficou curioso? Assista ao vídeo abaixo:

 Então, não perca: domingo, 27 de dezembro, a partir das 15h, no Programa Eliana (SBT).

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Desafio Pet: o caso de possessividade de Eros e Frida

desafio_pet_possessividade_cao_cidadao

O especialista em comportamento animal, Alexandre Rossi, apresentou nesse domingo, 1 de novembro, como parte do quadro Desafio Pet, o caso de Eros e da Frida – um buldogue francês e uma pit bull misturada com bull terrier, que foram adotados com alguns dias de diferença e desenvolveram um grave quadro de agressividade, possessividade e ansiedade.

Naiara, a dona, que havia acabado de perder uma cachorrinha e decidido que iria adotar um cachorro de rua, viu uma campanha pedindo o sacrifício da pit bull e resolveu adotar Frida. Após alguns dias, o irmão dela encontrou Eros abandonado na caçamba de lixo de seu condomínio e Naiara decidiu ficar com o buldogue também, pois procurava um companheiro para a cadelinha.

Após uma briga entre os dois por causa de um brinquedo, o problema realmente começou. Eros, cego de um dos olhos, era o mais agressivo. Em um momento estava bem e, no seguinte, atacava quem tentasse se aproximar. Além de os animais brigarem entre si, muitas vezes, sobravam ataques a amigos, familiares e até contra a própria dona.

As brigas eram tão graves que tornaram a convivência entre os cães e os donos impossível, e os passeios um verdadeiro caos. Os animais tiveram que ser separados, para evitar um desastre. Entenda melhor o caso com a ajuda deste vídeo:

Treinamento

O treinamento foi dividido em três partes: possessividade, ansiedade e agressividade. Alexandre e a equipe da Cão Cidadão trataram os problemas separadamente, utilizando soluções como a esteira canina, para substituir os passeios e tratar a ansiedade dos animais.

Se você perdeu o Programa da Eliana (SBT), confira aqui o resultado final.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Palestra comportamental com Alexandre Rossi no Rio de Janeiro

agenda-eventosNeste sábado, 19 de setembro, o especialista em comportamento animal, Alexandre Rossi, estará no Rio de Janeiro, onde realizará uma palestra sobre comportamento animal com a ajuda de sua assistente, Estopinha.

O evento, que é patrocinado pela Bayer, começa às 10h, e tem entrada gratuita. Mas, atenção: a participação está sujeita à lotação e à compra de produtos Bayer Pet em um dos pet shops credenciados. Veja a relação aqui.

No dia da palestra, será preciso apresentar a pulseira-convite e a embalagem do produto!

Quem tiver alguma embalagem Bayer Pet em casa, não adquirida na rede credenciada, também pode tentar participar da palestra, mas estará sujeito à lotação do espaço.

Os ingressos são limitados, então, corre!!!

Para mais informações sobre o evento, clique aqui.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Necessidades fora de casa: perigo para a saúde dos pets

Photo credit:  / Foter / CC BY
Photo credit: / Foter / CC BY

Incentivar o pet a fazer xixi sempre que estiver fora de casa, como em um passeio, por exemplo, pode ser muito atraente para alguns donos, principalmente para aqueles que não gostam de lidar com o cheiro ou a sujeirinha. Porém, o que algumas pessoas não sabem é que esse hábito pode ser muito prejudicial para a saúde do animal.

Por conta da correria do dia a dia, muitos donos não têm tempo de levar o pet para o passeio diário, então, ele fica sozinho durante muito tempo e, por estar condicionado a não fazer as necessidades dentro de casa, fica preso, sem poder ir até um cantinho para poder fazer as suas necessidades fisiológicas – e é ai que mora o perigo!

Ao segurar as necessidades, por medo de uma bronca ou castigo, o pet pode desenvolver sérios problemas de saúde, como a cistite (infecção na bexiga), cálculos urinários, insuficiência renal e incontinência urinária. Além disso, o pet acaba sempre ficando dependente de alguém para ir até a rua e, muitas vezes, por conta do cansaço, do frio ou da chuva, o passeio do pet fica em segundo plano.

“O ideal para todos, nesse caso, é que o pet consiga fazer as suas necessidades dentro ou fora de casa!”, informa o adestrador da equipe Cão Cidadão, Douglas Martinelli. “Precisamos separar um cantinho, que pode ser na lavanderia, por exemplo, onde o animal poderá fazer as suas necessidades sem causar irritação ou frustração no dono ou dar a escolha para ele fazer no meio do passeio”, completa.

Como agir?

O pet precisa entender que o ambiente em que ele está é seguro e que ele pode fazer as suas necessidades, sem correr o risco de levar bronca. Ele deve ter um cantinho específico que seja o seu banheirinho, onde ele se sinta confortável e seguro para se aliviar, sem problema algum.

Se o seu pet sofre com isso, incentive-o a fazer as necessidades em um lugarzinho específico e reforce esse comportamento com petiscos e carinho. “Ao perceber que seu pet está fazendo as necessidades no local correto, espere ele terminar e, logo em seguida, parabenize-o e o recompense com petiscos”, sugere Douglas.

O adestrador ainda explica que, aos poucos, o dono vai perceber que ele vai fazer a conexão entre o comportamento correto e a recompensa. Ele vai adorar fazer tudo no lugar certo e vai obedecer sem esforço algum.

Dica: seque a urina do seu cão com o tapete higiênico e o deixe no lugar que você designou para ser o banheirinho dele. O cheiro irá atraí-lo e o ajudará a fazer a relação entre o lugar e a hora de se aliviar.

Quer aprender mais sobre como ensinar o cão a fazer as necessidades no local correto? Clique aqui.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Brincadeiras para gastar a energia do pet em dias chuvosos

Photo credit:  / Foter / CC BY-SA
Photo credit: / Foter / CC BY-SA

Dias chuvosos não precisam ser preguiçosos para você e para o pet. Existem muitas brincadeiras que podem ser feitas em casa que, além de aproximar você do amigo, ainda vão garantir muitos momentos de diversão e prazer – sem contar o gasto de energia, que é muito importante!

Que tal colocar em prática algumas delas?

Você pode bolar brincadeiras que permitam que o cão use seus instintos, como o olfato, por exemplo. Esconda alguns petiscos pela casa e o incentive a procurá-los. Ajude-o no começo, colocando-os em lugares de fácil localização. Essa caça ao tesouro é diversão garantida!

Outra opção é utilizar uma garrafa pet, colocar um pouco de ração dentro e fazer alguns furinhos nela. Comece fazendo orifícios maiores, até o pet pegar o jeito. Depois, aumente o grau de dificuldade, diminuindo os furinhos. Isso vai entretê-lo por algum tempo, até que consiga comer tudo o que tem dentro do brinquedo.

Opções para morder e interagir

Você também pode oferecer brinquedinhos para que ele possa interagir. Não basta colocá-los à disposição, não, brinque com ele, incentive a brincadeira!

E nada de ficar triste se ele o destruir com facilidade. Lembre-se de que você os comprou justamente para isso!

Mas, atenção: ao dar um brinquedo pela primeira vez ao amigo, supervisione. Isso é importante para garantir a segurança do animal e evitar que, eventualmente, ele engula algum pedaço.

Lembre-se sempre: as brincadeiras devem sempre terminar com o cão relaxado e satisfeito, por isso, evite atividades que causam ansiedade e agressividade.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Setembro está recheado de eventos, confira!

eventos_de_setembro_cao_cidadaoO mês de setembro está recheado de eventos superlegais da Cão Cidadão para vocês curtirem e aprenderem bastante!

Agressividade em cães é um problema muito comum e, muitas vezes, os donos não conseguem encontrar uma solução sem a orientação de um especialista.

Se esse é o caso do seu cãozinho, no dia 12, às 17h, a equipe de adestradores da Cão Cidadão fará uma palestra sobre o tema “Agressividade” na Petz Morumbi, em São Paulo.

A entrada é gratuita! Participe e esclareça as suas dúvidas

Palestra com Alexandre Rossi

Ainda no dia 12, o especialista em comportamento animal, Alexandre Rossi, fará uma palestra sobre filhotes na Petz Cambuí, em Campinas, no interior de São Paulo. O evento começa às 14h e a entrada também será gratuita.

Curso de Adestramento Inteligente com Clicker

Que tal aprender ainda mais sobre comportamento animal com a adestradora e consultora comportamental da Cão Cidadão, Patricia Pataula!

O curso de Adestramento Inteligente com Clicker terá início em 12 de setembro, porém, para participar, é necessário se inscrever previamente aqui. O encontro será realizado em Brasília e terá duração de um dia.

O curso é uma introdução ao universo canino e você aprenderá a técnica do reforço positivo, além de discutir os principais problemas de comportamento dos cães. Para mais informações, clique aqui (link).

Outros eventos

No dia 19, a equipe da Cão Cidadão voltará à Petz Morumbi, em São Paulo, para dar dicas para melhorar o passeio com o pet.

Já no dia 26 de setembro, na mesma unidade Petz, os adestradores falarão sobre medos e fobias.

Ambos os eventos começam às 17h e são gratuitos. Não é necessário se inscrever previamente, basta comparecer ao local, no horário indicado.

Para mais informações sobre a agenda de eventos da Cão Cidadão, clique aqui.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Alexandre Rossi faz palestra gratuita em Campinas

Foto: Regina Motta
Foto: Regina Motta

No dia 12 de setembro, às 14h, o especialista em comportamento animal, Alexandre Rossi, ao lado de sua companheira Estopinha, estará em Campinas, interior de São Paulo, para realizar uma palestra gratuita na Petz Cambuí..

O tema do encontro será filhotes. Alexandre explicará todos os cuidados que devem ser tomados nesse período e esclarecerá alguns dos problemas comportamentais mais comuns, como bagunça e destruição.

A palestra terá duração de uma hora e não é necessário se inscreverpreviamente, pois o evento é gratuito.

Para mais informações, clique aqui (link da agenda).

Não percam!

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Brigas entre cães

Photo credit: steve.mullis / Foter / CC BY
Photo credit: steve.mullis / Foter / CC BY

É só sair de casa e encontrar outros cachorros que o seu pet começa a rosnar, latir e ir para cima do outro, querendo arranjar briga. Esses problemas geralmente acontecem quando a sociabilização do cão não foi feita da forma correta.

As brigas entre cães são perigosas e podem resultar em acidentes sérios, por isso, reunimos algumas dicas que podem te ajudar a evitar essa situação!

Como evitar?

O primeiro passo é prestar atenção na sua postura, quando leva o cão para passear. Como você reage ao avistar outro cachorro? Tudo o que você faz e demostra influencia o comportamento do seu pet, sabia disso? Se você fica apreensivo, amedrontado ou toma alguma precaução excessiva toda vez que um outro pet está passando por perto, o seu cachorro pode interpretar isso como sinal de perigo e ficará cada vez mais agressivo quando encontrar outros cães.

Os animais captam com muita facilidade o nosso estado de espírito e, por isso, é difícil enganá-los, então, disfarce sua ansiedade ou procure realmente ficar calmo, pois isso ajudará a evitar a briga. Porém, esteja sempre pronto para repreender qualquer comportamento agressivo.

Uma dica de treino é fazer com que o seu cachorro associe a presença de outros pets com coisas positivas. Para isso, você pode usar alguns truques, por exemplo: toda vez que ele avistar outro animal ou quando você fizer isso, chame a atenção dele, mostre o brinquedo favorito e o convide para brincar.

Essa atitude irá distraí-lo de tal maneira, que fará com que o outro pet passe despercebido. Você também pode distraí-lo com um petisco. A repetição desse treinamento fará com que o seu cãozinho associe a presença de outro animal com brincadeiras ou recompensas, fazendo com que ele olhe para você esperando receber um dos dois.

É importante saber

1. Cachorros bem sociabilizados dificilmente arranjam brigas com cães desconhecidos, que são amigáveis. Se você tem um filhote, sociabilize-o, e o acostume a outras pessoas e estímulos.

2. Sempre é possível melhorar a sociabilização, não importa a idade do seu cão! Procure a ajuda de um profissional de adestramento para ajudá-lo nesse processo!

Outras dicas

– Não demonstre ao animal que está se preparando para agarrar ou puxar a guia, e também não deixe a guia tensa ao passar por outro animal.

– Não o recompense quando ele mostrar agressividade. Atraia a atenção dele no exato momento em que avistar o outro cachorro e ANTES que ele mostre qualquer sinal de agressão.

– Entenda que esse processo, muitas vezes, exige habilidade e paciência, e se a correção for feita no momento errado, pode piorar a situação. Por isso, se não tiver experiência suficiente, procure um profissional.

Fonte: livro Adestramento Inteligente, de Alexandre Rossi.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Alexandre Rossi no JC Debate, da TV Cultura

jc-debateHoje, 20 de agosto, às 12h30, o programa JC Debate, da TV Cultura, terá como convidado especial o especialista em comportamento animal, Alexandre Rossi. Ele estará acompanhado da Estopinha e do Barthô.

A atração, que discute temas gerais, expondo a opinião de especialistas e da população, abordará o tema “Adoção de animais”.

Entre outros pontos, Alexandre explicará as vantagens da adoção consciente e citará a sua experiência com a Estopinha e o Barthô, ambos adotados.

O JC Debate será ao vivo. Você pode assistir ao programa em tempo real, clicando aqui.

 

Share and Enjoy !

0Shares
0 0