fbpx

Agende sua aula gratuita

Agende agora mesmo uma primeira aula gratuita (on-line ou presencial) com um dos nossos adestradores!!

DESAFIO PET: Alexandre Rossi ajuda cães agressivos da ONG Clube dos Vira-Latas

Alexandre_Rossi Domingo, dia 24 de julho, o zootecnista e especialista em comportamento animal, Alexandre Rossi, estará no Programa da Eliana (SBT), para apresentar mais um caso do Desafio Pet.

Alexandre e a sua equipe estiveram na ONG Clube dos Vira-Latas, em Ribeirão Pires (SP), para tentar ajudar Pirulito, Chris e Pastora, todos SRD, a se relacionarem melhor com as tratadoras e com os demais bichos. A instituição abriga 600 animais e esses eram os piores casos.

Pirulito é cadeirante e não passeava ou recebia carinho porque não deixava que ninguém se aproximasse. Chris, por sua vez, era bastante agressivo com pessoas e não permitia que limpassem o canil: ele mordia a grade, o que deixava todos com medo. Já a Pastora era possessiva com a ração e se sentia intimidada quando olhavam em seus olhos e, por isso, atacava.

As simples atividades do dia a dia, como trocar a ração e a água, levá-los para passear ou fazer a limpeza do canil se tornaram verdadeiros desafios. Muitas vezes, o cães tinha que ser sedados para serem manipulados.

Alexandre e equipe passaram meses visitando o local e realizando um treinamento intensivo. Será que eles conseguiram mudar o comportamento dos cães?

Não perca neste domingo, 24 de julho, a partir das 15h, no Programa Eliana (SBT).

Agende sua aula gratuita

Agende agora mesmo a sua aula gratuita (on-line ou presencial) com um de nossos adestradores!!

Seu cão sempre tenta fugir?

As principais causas que fazem um cão tentar fugir costumam ser o tédio e os instintos de caça e proteção. Existem ainda outros motivadores, como medo (de trovões e fogos, por exemplo), ansiedade de separação, desorientação e até mesmo uma fêmea no cio por perto, no caso dos machos.

Ler mais »

Dicas para reduzir os latidos dos cães.

Latir faz parte da natureza canina. Ou seja, dificilmente o comportamento pode ser 100% extinto – e nem seria saudável! Por outro lado, latidos em excesso podem indicar que o bem-estar do pet está comprometido e/ou que a comunicação com ele está falhando.

Ler mais »

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NÃO VÁ AINDA!!

Agende agora mesmo uma primeira aula gratuita (on-line ou presencial) com um dos nossos adestradores!!