fbpx

Agende sua aula gratuita

Agende agora mesmo uma primeira aula gratuita (on-line ou presencial) com um dos nossos adestradores!!

Universidade de Boston escreve artigo sobre Alexandre Rossi

alexandre-bostonEm outubro, o especialista em comportamento animal, Alexandre Rossi, viajou para os Estados Unidos e realizou duas palestras sobre o trabalho que desenvolveu com a sua cadelinha Sofia, já falecida. Ela conseguia se comunicar por meio de um teclado especial, para solicitar objetivos e realizar algumas atividades.

A Universidade de Boston foi um dos locais que abrigaram a palestra do Alexandre. O blog dos alunos de Relações Públicas da instituição publicou um texto no qual compara as estratégias adotadas por Alexandre para se relacionar com os clientes e animais, com o mercado de comunicação.

Com o título “Treinando os Clientes”, o autor lista alguns pontos utilizados pelo especialista, que também podem ser empregados em Relações Públicas.

“A origem das Relações Públicas e do comportamento animal está baseada na psicologia. Além disso, muitas das estratégias e táticas usadas pelo Alexandre com os seus peludos são relevantes e aplicáveis à indústria de RP!”, disse o autor. O texto também cita o sucesso da Estopinha, fiel escudeira de Alexandre, que já tem quase 2 milhões de seguidores no Facebook.

Se você não acompanhou o que rolou na viagem, confira tudo no Facebook do Alexandre Rossi.

Clique aqui e leia o artigo completo, em inglês, publicado pela Universidade de Boston.

Agende sua aula gratuita

Agende agora mesmo a sua aula gratuita (on-line ou presencial) com um de nossos adestradores!!

Como montar o enxoval do seu gatinho

Apesar de terem uma personalidade mais independente e, em geral, darem menos trabalho que os cães na infância, a chegada de um gatinho ao lar envolve várias providências e a compra de alguns itens para o seu conforto e bem-estar.

Ler mais »

Seu pet faz xixi na borda do tapete?

No processo de aprendizado do treino sanitário, a evolução é gradual, e mesmo os pets que já estão com uma boa porcentagem de acertos podem errar ou ter “meios acertos”, ou seja, urinar na bordinha do tapete higiênico.

Ler mais »

Seu cão sempre tenta fugir?

As principais causas que fazem um cão tentar fugir costumam ser o tédio e os instintos de caça e proteção. Existem ainda outros motivadores, como medo (de trovões e fogos, por exemplo), ansiedade de separação, desorientação e até mesmo uma fêmea no cio por perto, no caso dos machos.

Ler mais »

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NÃO VÁ AINDA!!

Agende agora mesmo uma primeira aula gratuita (on-line ou presencial) com um dos nossos adestradores!!