Necessidades em casa, SIM! Na rua, NÃO.

Photo credit: hillary h / Foter / CC BY-SA
Photo credit: hillary h / Foter / CC BY-SA

Por Alexandre Rossi, especialista em comportamento animal. 

Se o seu cão só faz as necessidades na rua, saiba como conseguir que ele passe a fazê-las dentro de casa.

Você planeja ensinar seu cão a só fazer xixi e cocô na rua? Reconsidere essa intenção. Muitos proprietários já passaram pela experiência e se arrependeram. Perceberam que a obrigação de levar o cão para urinar e defecar na rua resulta em perder a liberdade de chegar mais tarde em casa, de dormir um pouco mais e de ficar debaixo das cobertas curtindo um filminho enquanto chove lá fora. Ainda, alguns cães, acostumados a só fazer as necessidades na rua, ficam tão apertados por falta de alguém para acompanhá-los que chegam a chorar de dor e a desenvolver problemas fisiológicos.

É verdade que, até determinada idade, alguns filhotes de cães não conseguem relaxar o suficiente para se aliviarem diante da excitação e da insegurança causadas pela presença dos muitos estímulos da rua. Mas, com o tempo, a rua se torna o local preferido por grande parte dos cães para fazer xixi.

O problema é que, se essa preferência virar regra, o cão passa a depender de uma pessoa para poder se aliviar. Quem está nessa situação e quer garantir o bem-estar do animal, além de reconquistar a liberdade de chegar mais tarde em casa, pode seguir as dicas dadas a seguir.

Tentativas intuitivas
Normalmente, pessoas cujos cães estão habituados a só fazer as necessidades na rua me procuram depois de terem tentado implantar, sem sucesso, um banheiro canino na área de serviço. Em geral, essas pessoas começam o treino colocando um jornal no chão daquela área.

Depois, põem um cone sobre o jornal se o cão for macho, para ele poder levantar a perna. Em seguida, recolhem um pouco do xixi do cão e o colocam sobre o cone ou jornal. Feito isso, se a tentativa não funcionou, deixam de levar o cão para a rua para ele ficar apertado e, assim, se sentir mais motivado a usar o novo banheiro.

Segurar por muito tempo pode ser prejudicial
Esses procedimentos são todos válidos, mas muitas vezes insuficientes. Não devemos deixar o cão apertado por tempo demais. É muito desconfortável para ele e pode gerar dor e até problemas fisiológicos. Alguns cães chegam a segurar suas necessidades por mais de 24 horas quando, normalmente, um cão adulto saudável pode ficar cerca de oito horas sem acesso ao local no qual se alivia.

Resultado garantido
Quando as tentativas intuitivas não dão certo, sempre obtenho sucesso com o seguinte conjunto de técnicas para mudar o hábito de higiene do cão: • Ensino a fazer as necessidades sob comando; • Associo o jornal com o lugar permitido para o cão se aliviar; • Aproximo gradativamente o jornal do local escolhido para ser o banheiro do cão.

Necessidades sob comando
Ao levar o cão para a rua, não deixe que ele se aproxime imediatamente dos locais nos quais costuma se aliviar. Antes disso, diga “xixi”, por exemplo. Assim, sempre que você falar “xixi”, ele saberá que é permitido se aliviar. Quando o cão terminar de fazer as necessidades, recompense-o com carinho, petisco ou brinquedo. A maioria dos cães, depois de algumas semanas, passa a forçar o xixi ao receber o comando, só para ganhar recompensa! Não se preocupe com esse treinamento – o cão não deixará de fazer as necessidades por não receber comando.

Associação com jornal
Leve uma folha de jornal no bolso e abraa no local em que você permitirá ao cão se aliviar. Mesmo que ele não faça exatamente em cima do jornal, a folha de papel funcionará como um estímulo visual e olfativo. No início, coloque a folha nos locais onde o cão prefere fazer as necessidades, como perto de uma árvore ou na grama.

Chegando ao local escolhido
Aos poucos, varie os locais onde você põe o jornal e permite que o cão faça as necessidades. Nas etapas finais, procure colocar o jornal em locais como a garagem do prédio e o hall de serviço, estimulando o cão a fazer as necessidades lá.

Nessa fase, tome cuidado para não tomar multa do condomínio e não se esqueça de deixar tudo bem limpinho! A última etapa é levar o cão, no horário do passeio, para a área de serviço, colocar lá o jornal, dar o comando e torcer para que o cão se alivie. Não esqueça de recompensá-lo se ele fizer o que é esperado. Se não, continue o treinamento.

Manutenção
Procure estimular o cão a continuar usando o banheiro de casa. Uma maneira infalível de manter o novo hábito é levar o cão para passear somente depois de ele ter feito um xixizinho no banheiro dele dentro de casa.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn