fbpx

Agende sua aula gratuita

Agende agora mesmo uma primeira aula gratuita (on-line ou presencial) com um dos nossos adestradores!!

Dicas para um passeio tranquilo com o pet

passeio_internaComo anda a saúde do pet? É muito importante fazer essa reflexão e checar como a rotina dele pode se tornar ainda mais saudável!

Uma boa dica para manter a qualidade de vida e o bem-estar lá em cima é fazer passeios frequentes.

Eles são muito importantes, porque permitem ao cão se exercitar, fazer xixi e cocô, cheirar e se sociabilizar com outros companheiros da mesma espécie e com seres humanos. Para o dono, também há benefícios!

O passeio pode ser bastante agradável, tomando alguns cuidados:

– Antes de sair com o cão, se o grau de ansiedade dele for muito elevado, é indicado parar com tudo, voltar para dentro de casa, e só sair quando o cão estiver calmo novamente.

– Na rua, para evitar um passeio com puxões o tempo todo, pode-se utilizar o que se chama de “ziguezague”: quando o cachorro começar a puxar para frente, o condutor deve frustrá-lo, virando-se rapidamente para o lado contrário. Por outro lado, sempre que o cachorro prestar atenção no dono, deve ser bastante elogiado, para que perceba que este é o segredo para o passeio constante e sempre à frente.

Confira mais dicas em Artigos.

Agende sua aula gratuita

Agende agora mesmo a sua aula gratuita (on-line ou presencial) com um de nossos adestradores!!

Cuidados com o pet no verão

As altas temperaturas do verão fazem com que a maioria dos tutores se sinta mais motivado a passear e fazer mais atividades ao ar livre com os seus peludos, o que é ótimo para a qualidade de vida da família toda.

Ler mais »

Como montar o enxoval do novo pet

A chegada de um novo pet envolve a compra de alguns itens para o seu conforto e bem-estar. Apesar da empolgação e das inúmeras opções disponíveis, é muito mais importante pensar na funcionalidade na hora da escolha e não apenas no estilo.

Ler mais »

Seu cão sempre tenta fugir?

As principais causas que fazem um cão tentar fugir costumam ser o tédio e os instintos de caça e proteção. Existem ainda outros motivadores, como medo (de trovões e fogos, por exemplo), ansiedade de separação, desorientação e até mesmo uma fêmea no cio por perto, no caso dos machos.

Ler mais »

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NÃO VÁ AINDA!!

Agende agora mesmo uma primeira aula gratuita (on-line ou presencial) com um dos nossos adestradores!!