Buracos no jardim: como lidar com esse comportamento?

buraco_jardimQuem tem casa com jardim e um cachorro conhece bem o problema: alguns cães adoram cavar a terra e acabam destruindo tudo e deixando aqueles buracos no jardim, certo?

Cavar buracos é uma atividade natural e saudável para os cães, mas pode ser controlada. São diversos os motivos que levam os cães a cavarem o jardim, seja para esconder um brinquedo, restos de alimentos e ossos, ou escolher um lugarzinho para se deitar.

Confira algumas dicas que podem te ajudar a resolver esse problema:

1) Cantinhos: crie locais para que o cão possa se deitar e que sejam mais fresquinhos para ele.

2) Gastando energia: quanto mais energia o cão tiver, maiores serão as chances de ele cavar grandes buracos. Uma maneira de controlar o excesso de energia é levá-lo para passear diariamente ou exercitá-lo bastante com brincadeiras.

3) Combata o tédio! Cães também ficam entediados! Crie atividades para tornar a vida do cão mais interessante.

4) Reestruture seu jardim: procure adaptar o estilo do seu jardim à presença canina. Às vezes, algumas pequenas alterações podem evitar muita dor de cabeça e proporcionar menos estresse no convívio. Pedras colocadas nos lugares em que o cão cava, assim como cercas e telas podem, muitas vezes, ser boas dicas.

Cães x automóveis: como transportar o pet com segurança?

carro_internaAssim como os humanos, os cães também precisam de conforto e segurança durante o passeio de carro. Por isso, para que tudo ocorra da melhor forma possível, listamos aqui algumas dicas:

Caixa de transporte: é legal sempre ter uma caixa de transporte para levar o pet em segurança. O ideal é colocá-la atrás do banco do motorista ou passageiro, amarrá-la com algum cinto ou fivela.

Cadeirinha: se o seu pet for de pequeno porte, existe ainda a possibilidade de usar uma cadeirinha – parecida com a que é utilizada por crianças -, que pode ser fixada no banco traseiro do carro.

Cinto de segurança: se o seu cachorro for de porte grande, o ideal é deixá-lo preso pelo cinto de segurança (próprio para animais). Dessa forma, você poderá evitar alguns acidentes e o cão não ficará andando de um lado para o outro no carro.

Em viagens, além dos cuidados com a segurança, é preciso fazer paradas a cada duas horas, para o animal possa se refrescar e esticar as patas!

Bom passeio!

Confira mais detalhes em Artigos.

NÃO VÁ AINDA!!

Agende agora mesmo uma primeira aula gratuita (on-line ou presencial) com um dos nossos adestradores!!