fbpx

Adquira agora mesmo o curso para adestramento de gatos!

A importância do comando “Fica”

dicas_interna-ficaPor Cibele Tolaini, adestradora franqueada da Cão Cidadão

O “Fica” é um comando extremamente importante e que pode ser utilizado em vários momentos, podemos utilizá-lo no passeio, para que o cão sente e fique enquanto um semáforo está fechado, por exemplo, evitando assim algum acidente.

Enquanto estamos arrumando o cantinho dele também é legal que ele consiga ficar esperando, principalmente se precisamos utilizar água, para não virar aquela bagunça. Podemos também utilizar o comando para abrir o portão e receber o carteiro sem que o cão saia correndo para pular e pegar todas as cartas, e até mesmo para evitar que ele fuja caso a gente precise abrir a porta.

O comando “Fica” exige muita paciência, tanto do bichinho, como dos tutores. É importante que o cão já saiba sentar e deitar para assimilar mais facilmente esse treino: colocamos ele sentado e falamos “Fica”, se ele ficar sem se mexer, recompensamos e vamos aumentando a dificuldade gradativamente, primeiro aumentamos o tempo de permanecia, depois começamos a dar um passo, dois, três e assim por diante ate que o cão já esteja craque e você consiga sair do campo de visão dele e ficar alguns minutos sem que ele te veja.

Como já foi dito, é um comando que exige paciência e tempo, não force demais, caso o cão esteja errando muito, talvez estejamos exigindo demais dele e ele não esteja pronto ainda para tanta distência ou tempo, regrida o treino se necessário.

É importante ressaltar que mesmo que ele saiba bem o comando, quando formos abrir a porta ou portão devemos tomar cuidado para que ele não escape e durante o passeio a guia é extremamente importante para evitarmos qualquer acidente.

Agende sua aula gratuita

Agende agora mesmo a sua aula gratuita (on-line ou presencial) com um de nossos adestradores!!

Seu cão sempre tenta fugir?

As principais causas que fazem um cão tentar fugir costumam ser o tédio e os instintos de caça e proteção. Existem ainda outros motivadores, como medo (de trovões e fogos, por exemplo), ansiedade de separação, desorientação e até mesmo uma fêmea no cio por perto, no caso dos machos.

Ler mais »

Meu filhote é agressivo

É muito comum tutores de filhotinhos ficarem na dúvida se seus pets estão ficando muito agressivos. Embora não seja muito comum, existem casos em que os pets podem, sim, já manifestar agressividade desde novinhos por motivos diversos, como genética

Ler mais »

Meu cão sabe quando errou?

Muitos tutores têm a certeza que seus pets sabem muito bem quando erraram, pois fazem a famosa cara de culpados. Porém, especialistas em comportamento animal já provaram que o olhar acontece, na verdade

Ler mais »

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

NÃO VÁ AINDA!!

Agende agora mesmo uma primeira aula gratuita (on-line ou presencial) com um dos nossos adestradores!!

Junte-se a nós!

Estamos precisando de adestradores em São Paulo! Venha fazer parte do nosso time!