fbpx

Agende sua aula gratuita

Agende agora mesmo uma primeira aula gratuita (on-line ou presencial) com um dos nossos adestradores!!

Animais como mascotes Olímpicos

Faltam poucos dias para que os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro tenham início. Muitos estão animados e ansiosos para conferir as várias modalidades, acompanhar o desempenho dos atletas e torcer pelo Brasil.

Além de emocionantes, os Jogos Olímpicos são cercados de muitas curiosidades. Como os mascotes, por exemplo. Você sabia que os animais têm destaque nas Olimpíadas há muito tempo?

Foi em 1972, nos Jogos Olímpicos de Verão em Munique, na Alemanha, que os países acataram oficialmente a ideia de ter mascote. Cada local que sediava os jogos passou a escolher um bicho para representar a sua cultura.

Populares

A primeira mascote olímpica da história foi Waldi, um cãozinho multicolorido, inspirado na raça Dachshund, muito popular na Alemanha. A ideia surgiu de forma bem inusitada para a época: durante a festa de Natal do Comitê Olímpico dos Jogos de Verão de Munique, em 1972, os participantes receberam giz de cera e massa de modelar para dar sugestões para o mascote. Assim nasceu Waldi, que oficializou essa tradição.

Um dos mais famosos e queridos do público foi o urso Misha, dos Jogos Olímpicos de Verão de 1980, que ocorreu em Moscou, na Rússia. O bichinho foi peça-chave tanto na abertura e no encerramento do evento, quanto na divulgação e merchandising. O sucesso foi tanto que virou até desenho animado.

Ao longo dos anos, diversos animais ganharam destaques: a águia Sam, dos Jogos de Los Angeles em 1984, nos EUA, o tigre Hodori, dos Jogos em Seul, na Coreia do Sul, entre outros que marcaram a trajetória das Olimpíadas e se tornaram símbolos da cultura dos países que sediaram as competições.

Rio 2016: Jogos Olímpicos de Verão no Brasil

As mascotes dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos deste ano são Vinícius e Tom (nomeadas em homenagem ao poeta Vinicius de Moraes e ao maestro Tom Jobim).

Vinícius, o representante oficial das Olimpíadas 2016, é uma mistura de todos os bichos brasileiros. Já Tom, o representante das Paralimpíadas, é uma mistura de toda a flora do Brasil.

Agende sua aula gratuita

Agende agora mesmo a sua aula gratuita (on-line ou presencial) com um de nossos adestradores!!

Meu cão sabe quando errou?

Muitos tutores têm a certeza que seus pets sabem muito bem quando erraram, pois fazem a famosa cara de culpados. Porém, especialistas em comportamento animal já provaram que o olhar acontece, na verdade

Ler mais »

Dicas para reduzir os latidos dos cães.

Latir faz parte da natureza canina. Ou seja, dificilmente o comportamento pode ser 100% extinto – e nem seria saudável! Por outro lado, latidos em excesso podem indicar que o bem-estar do pet está comprometido e/ou que a comunicação com ele está falhando.

Ler mais »

Regras para circular com os cães

Apesar de os cães fazerem a cada dia mais parte das famílias e sociedade brasileiras, existem algumas leis que regulam a circulação deles. Afinal, não é todo mundo que gosta de animais, e essas pessoas precisam ser respeitadas! Além disso, é importante sermos tutores conscientes para evitarmos acidentes.

Ler mais »

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

NÃO VÁ AINDA!!

Agende agora mesmo uma primeira aula gratuita (on-line ou presencial) com um dos nossos adestradores!!