Agenda de eventos da Cão Cidadão de janeiro

noticias_interna_agenda_janeiro

Durante o mês de janeiro, a equipe da Cão Cidadão estará em São Paulo, para realizar três palestras na Petz Marginal.

A primeira será realizada neste sábado, dia 16, e terá como tema “Agressividade”. Além de esclarecer dúvidas, os especialistas darão dicas de como melhorar a convivência com o animal de estimação.

Já no dia 23, o assunto discutido será “Filhotes”. Se você é dono de primeira viagem, não deixe de conferir as orientações em relação à adaptação do pequeno ao novo lar, alimentação, mordidas, choro à noite etc.

No dia 30, os especialistas darão uma aula sobre “Passeios”. A proposta é tornar esse um momento de lazer e diversão para dono e animal, e não de estresse!

Todas as palestras são gratuitas e terão início às 17h. Não é necessário se inscrever previamente. Basta comparecer ao local, no horário programado.  Detalhes sobre todos esse eventos podem ser encontrados em nossa agenda, clicando aqui.

Porto Alegre

Ainda em janeiro, no dia 28, a nossa equipe desembarcará em Porto Alegre, para apresentar o modelo de franquia Cão Cidadão. Se você gosta de animais e tem vontade de trabalhar com adestramento, inscreva-se  aqui gratuitamente!

Para se tornar um franqueado, não é necessário ter experiência prévia na área de comportamento animal, mas é fundamental ter aptidão e muita vontade de aprender. Os candidatos passam por um processo seletivo que inclui provas teóricas e práticas, e se aprovado, passa por um treinamento.

Conheça aqui o processo de franquia Cão Cidadão. Mais informações em Agenda.

Esperamos por você!

Os vilões do xixi no lugar certo

https://www.flickr.com/photos/zenjazzygeek
https://www.flickr.com/photos/zenjazzygeek

Geralmente, uma das maiores reclamações dos donos de pets é o que os cães fazem xixi no lugar errado. Muitas pessoas pensam que o pet simplesmente não consegue entender a mensagem, porém, existem algumas atitudes (sim, atitudes dos donos!) que podem estar incentivando esse comportamento errado.

Primeiramente, é preciso reforçar que ensinar o cão a fazer xixi no lugar certo não é uma tarefa tão difícil, desde que algumas dicas sejam seguidas. Ela também não precisa ser estressante para o dono ou animal

Escolha do local

Um grande vilão do xixi no lugar certo é a indecisão, ou seja, quando o dono não se decide sobre o local em que o banheiro do cão ficará e, dessa forma, vive mudando o lugar. Opte por ambientes reservados, afastados da caminha do pet.

Comida x necessidades

Não é indicado, também, manter o banheiro próximo ao local onde o animal se alimenta e bebe água. Deixe-os afastados!

Falta de paciência

Com insistência e paciência, você conseguirá ensinar o cão a fazer xixi no lugar certo. Uma boa dica é restringir, no início, os locais de circulação do animal e incentivá-lo a usar o banheiro, recompensando cada avanço que ele tiver.

Ao notar que o animal está agitado, leve-o ao banheirinho e aguarde um pouco. Caso ele faça xixi, elogie bastante e dê a ele algo que ele goste bastante – pode ser um petisco, um brinquedo etc. Sempre que ele repetir essa atitude e acertar o local, faça uma festa. Aos poucos, ele fará boas associações e continuará repetindo o comportamento, esperando receber a sua atenção ou um petisco gostoso. Veja nesse artigo mais detalhes.

Broncas

Um dos maiores inimigos do xixi no lugar certo é a bronca. Brigar com o pet toda a vez que ele faz as necessidades no local errado pode ter um efeito contrário. Ou seja, o cão pode associar o nervosismo do dono com o ato de fazer xixi e, com isso, fazer escondido ou mesmo segurá-lo. Por isso, nada de broncas. Quando o pet errar, ignore-o e insista no treinamento.

Não desista! Leve o pet até o local correto, incentive-o a fazer xixi e use o reforço positivo. Assim, as coisas serão muito mais simples e o treinamento muito mais fácil.

Brigas entre gatos: como eliminar o problema

https://www.flickr.com/photos/jonner/3353872803/
https://www.flickr.com/photos/jonner/3353872803/

Por Malu Araújo, adestradora e consultora comportamental da equipe Cão Cidadão.

A primeira coisa é entender o porquê das brigas acontecerem. A introdução de um novo gato na casa é um motivo que pode dar início às brigas. Então, para que a convivência seja harmônica, cuidado com essa apresentação.

Coloque os gatos na guia ou na caixa de transporte (caso eles usem esses acessórios com tranquilidade) e associe a presença do outro com festa, carinho e um petisco bem gostoso. Quando eles estiverem confortáveis, deixe-os livre na casa, mas com supervisão. Se precisar sair, separe-os nos primeiros dias quando não tiver ninguém olhando.
Machos adultos podem brigar ao atingir a maturidade sexual, que acontece por volta dos dois aos quatro anos. A castração ajuda muito a manter o comportamento estável.

É possível que o gato tenha algum problema de saúde e comece a reagir com agressividade à aproximação do outro gato, ou tenha alguma reação mais bruta quando o outro bichano encosta onde ele está com dor. Neste caso, é você que precisa conhecer bem o seu gatinho. Se ele apresentar algum comportamento diferente, estiver comendo mal ou mostrar qualquer outro sinal de mudança, leve-o ao veterinário.

Alguns gatinhos são mais possessivos, por isso, providencie mais de uma caixa de areia e espalhe pela casa mais de um pote de comida e água. Não deixe tudo no mesmo ambiente, para evitar que ele controle tudo.
Presenciou uma briga? Não tente separá-los com as mãos. O ideal é fazer um barulho ou usar um borrifador de água para separá-los.

Para manter a harmonia entre eles, você precisa garantir que cada um deles tenha as suas necessidades supridas e associar um ao outro sempre com bons momentos, como as brincadeiras e carinhos para todos.

NÃO VÁ AINDA!!

Agende agora mesmo uma primeira aula gratuita (on-line ou presencial) com um dos nossos adestradores!!