Para continuar habilite o JavaScript






Passeio com o pet pela primeira vez: dicas e cuidados

Photo credit: mrhayata / Foter / CC BY-SA

Photo credit: mrhayata / Foter / CC BY-SA

A hora do passeio para o seu cãozinho é a melhor parte do dia. Nada como ar fresco e uma voltinha divertida, na qual ele pode conhecer outros animais, sentir cheiros e texturas diferentes, ver lugares e pessoas novas.

Esse momento divertido é essencial para a saúde do seu pet. Além dos estímulos psicológicos, é uma maneira de manter o peludo saudável e exercitado, incentivando-o a gastar a energia acumulada durante as horas de descanso.

Se você acabou de adotar seu peludo e ainda não sabe a melhor forma de lidar com o passeio, é preciso compreender que alguns cuidados devem ser tomados. Confira as dicas!

Duração

Como diz o ditado, cada caso é um caso. Os cães de maior porte precisam de mais exercício e tempo de passeio do que os cachorrinhos menores.

Além disso, as peculiaridades de cada raça devem ser levadas em consideração. Um Beagle, que é uma raça que já foi utilizada como cão de caça, tem muito mais energia para gastar do que um Chow Chow, que era usado como um cão de guarda.

Por isso, é preciso considerar a raça, o temperamento e o porte do cão ao calcular a duração do passeio.

Idade

Se o seu novo cão é um filhote, é preciso tomar algumas precauções. Antes de levá-lo para passear, realize alguns treinos, para que ele se acostume e saiba o que pode ou não fazer. Para mais dicas sobre o assunto, confira este artigo.

Filhotes precisam de passeios mais curtos no início. Aumente esse tempo gradativamente, para que ele se acostume.

Cuidado com o período de vacinas! Consulte sempre o médico veterinário e saiba quando o pequeno já está liberado para das as voltinhas na rua.

Já os cães mais velhos não possuem tanto pique quando os filhotes, além da probabilidade de apresentarem problemas de saúde. Por isso, os passeios devem ser mais curtos e tranquilos.

Horário

O horário do passeio varia de acordo com o dia a dia do tutor, porém, é preciso ter em mente algumas coisas antes de sair com o seu cãozinho.

Em dias quentes, o seu cão pode queimar as patas no asfalto, ficar desidratado, entre outros. Por isso, dê preferência aos horários em que o sol esteja mais ameno, pois os animais também sofrem com o calor. Leve água fresca para mantê-lo sempre hidratado.

Regras

Apesar de o passeio ser um momento de lazer para o seu bichinho, ensine a ele que existem regras a serem seguidas.

Antes de sair, acostume o cão a ser contido com a coleira e a caminhar ao seu lado o tempo todo, acompanhando o seu ritmo, para que ele entenda que você está no comando.

Esse treinamento deve ser realizado dentro de casa, antes do passeio, assim o seu cachorro entenderá que não deve sair correndo por aí.

Equipamento

É muito importante que o dono tenha em mãos equipamentos nos quais ele pode confiar. É perigoso comprar guias ou coleiras que possam rasgar, pois o cão pode sair correndo e sofrer um acidente. Para evitar isso, procure adquirir produtos de qualidade, que sejam seguros tanto para o cão, quanto para você.

Depois, é só curtir com o pet! Bom passeio!

Minimum 6 characters

Receba dicas e novidades

No seu e-mail!




Navegue pelo site