Para continuar habilite o JavaScript






Medo de cachorros: como agir?

Postado por Cão Cidadão em 18/fev/2017 -

dicas_interna-e-de-casa
No último programa É de Casa, da Rede Globo, no sábado (18), o zootecnista e especialista em comportamento animal, Alexandre Rossi, falou sobre o medo que algumas pessoas têm em relação aos cães e deu algumas dicas de treinamento para solucionar esse problema.

Esse medo existe não só em crianças, mas também em jovens e adultos. O trauma pode vir de algum cuidado extremo dos pais, ou de alguma situação desconfortável que a pessoa já viveu com algum cachorro. Mas não é difícil superar isso. Nada que um treinamento ou uma orientação não ajude a resolver o problema ou minimizá-lo.

O que fazer?

As orientações são as mesmas para qualquer faixa etária, e é preciso segui-las com frequência para que esse medo dos cães possa ser controlado do modo mais rápido e simples possível.

1. Mantenha-se parado quando algum cão vem em sua direção, nunca corra ou grite, pois isso incentiva o insistindo predatório do animal.

2. Pergunte sempre para o tutor se pode mexer no cachorro e se ele é calmo, antes de colocar a mão nele.

3. Nunca importune o animal quando ele estiver comendo, dormindo, dentro da casinha, quando estiver distraído com algum brinquedo ou quando for uma mãe com os filhotes.

Lembrando que quando se tratar de uma criança, é preciso que você ensine ela de forma prazerosa. No geral, usar técnicas lúdicas ajuda bastante. Por exemplo, quando o cachorro estiver indo de encontro ao pequeno, peça que ele brinque com você (e com o cão em questão) de estátua. Assim, o treinamento se tornará uma grande brincadeira e será mais fácil da criança superar esse receio.

Com carinho e os cuidados necessários, todos que têm medo de cães podem aprender a ter uma convivência harmoniosa com esses animais que, de fato, são os melhores amigos do homem!