Para continuar habilite o JavaScript






Cães idosos: saiba como cuidar deles

Postado por Cão Cidadão em 08/abr/2014 - Sem Comentários

cuidados-idosos_internaA idade chega para todos, não é mesmo? Por isso, é preciso ter atenção com alguns cuidados que os pets idosos vão precisar receber na melhor idade.

Cães velhinhos, por exemplo, estão sujeitos a doenças, dores e alterações comportamentais. Dar atenção às mudanças da idade permite suprir novas necessidades e, com isso, proporcionar a eles melhores condições de vida.

Alterações no metabolismo

Com o envelhecimento, normalmente, o organismo produz menos calor e gasta menos energia. Em função disso, o cão fica propenso a sentir mais frio e a engordar com mais facilidade, mesmo que continue comendo sempre a mesma quantidade de ração. Por sentir frio, passa mais tempo encolhido e treme frequentemente.

Oferecer uma casinha protegida do vento, com o fundo coberto por material isolante impermeável, contribui para o bem-estar do cão idoso. Roupas também podem ajudar. É mais importante proteger os cães do frio quando estão inativos ou dormindo – raramente eles sentem frio durante a prática de atividades.

Dores nas articulações

O desgaste e a inflamação das articulações também são comuns nos cães idosos. Na maioria dos cães, existe tratamento para amenizar o desconforto e estimular o crescimento da cartilagem desgastada. Animais com esses problemas preferem não andar muito porque as caminhadas causam dor.

Outro sintoma comum é a dificuldade que o cão tem para se levantar após fazer atividade física. De certa maneira, não praticar exercícios pesados ajuda a evitar que o problema piore. Mas, alguns cães ficam tão excitados com bolinhas e outros estímulos que podem não respeitar as limitações corporais. É preciso conter a excitação, evitando corridas e saltos, para o cão não se machucar facilmente.

Confira mais dicas em Artigos.

Minimum 6 characters

Receba dicas e novidades

No seu e-mail!




Navegue pelo site